• Facebook - Grey Circle
  • Instagram - Grey Circle
Tevye, o leiteiro [da série A.S.A.], capas de livros sobre cartão, 60 x 40 cm., capas
Tevye, o leiteiro [da série A.S.A.], capas de livros sobre cartão, 60 x 40 cm.,

​Tevye, o leiteiro [da série A.S.A.], 2018. Capas de livros sobre cartão; impressão jato de tinta sobre papel de algodão, 60 x 40 cm (cada). Foto: Wilton Montenegro.

ASA_03©_Leila_Danziger_foto_©_Wilton_Mon
09_Leila Danziger 3405_leve.jpg

​Ato e Fato [da série A.S.A.], 2018. Páginas de livros e carimbo sobre cartão; impressão jato de tinta sobre papel de algodão, 60 x 40 cm (cada). Foto: Wilton Montenegro.

Leila Danziger 3407_leve.jpg
ASA_01_leve©_Leila_Danziger_foto_©_Wilto

​Haolam [da série A.S.A.], 2018. Carimbo sobre capa de livro sobre cartão; impressão jato de tinta sobre papel de algodão, 60 x 40 cm (cada). Foto: Wilton Montenegro.

05Leila Danziger 3430_site.jpg

Título 1

​Ex-libris #1 [da série A.S.A.], 2018. Carimbo sobre cartão, 60 x 40 cm.

z_02_Leila Danziger 3429_site.jpg

​Ex-libris #2 [da série A.S.A.], 2018. Carimbo  e lápis sobre cartão, 60 x 40 cm.

A série A.S.A. foi realizada a partir da remodelação da Biblioteca da Associação Scholem Aleichem (A.S.A., Rio de Janeiro), herdeira patrimonial e ideológica da Biblioteca Scholem Aleichem, criada em 1915, por imigrantes judeus da Europa Oriental. Seu acervo era formado, originalmente, por livros em íidiche e também marxistas, testemunhando a elaboração de uma identidade judaica progressista, libertária e brasileira. Vale lembrar que a riqueza e a singularidade do ídiche é o fato de ser uma língua inteiramente composta por palavras estrangeiras. Como escreveu Kafka em “Discurso sobre a língua ídiche” (1912), o ídiche é uma língua percorrida “pelas migrações dos povos. Tudo aquilo, alemão, judaico, francês, inglês, eslavo, holandês, romeno e até latino (...), é preciso uma certa energia para manter unidas várias línguas dessa forma.”

Ao sul do futuro |  Raphael Fonseca [port]

South of the future | Raphael Fonseca [eng]